Energia sexual

Huummmm… libido


Conta mais? (:


A libido é a energia motivadora que temos para realizar as coisas com vontade. 


Está relacionada diretamente ao nosso tesão pela vida: é ela que estimula nossos desejos, conhecimentos e curiosidades.  


Na sexualidade, a libido se manifesta como impulso ou desejo que sentimos através de algum estímulo específico, como visual, auditivo ou olfativo. E isso depende de uma série de fatores emocionais, biológicos ou externos. 


Libido é energia, fogo, vontade. É aquele tesão que pulsa calorosamente por dentro.


Segundo a PrazerEla, existe diferença entre os sistemas libidinais de pessoas com vulva e pessoas com pênis:


Libido ativa = libido masculina


"Corpos com pênis tem uma natureza linear, com o desejo mais ativo e espontâneo devido a presença constante de testosterona no organismo. Isso quer dizer que são corpos mais predispostos a receber uma excitação sexual e chegar ao clímax."


Libido responsiva = libido feminina


"Já pessoas com vulva têm um desejo sexual mais responsivo, muito relacionado a fase do ciclo menstrual, e mais dependente de uma qualidade da excitação para que se chegue ao clímax."


Todos os dias escolhemos em quais atividades vamos investir a nossa libido.


Estamos inseridos em uma rotina que exalta a produtividade e performance, onde a nossa pulsão de vida é diariamente capturada por demandas profissionais. O que faz com que sobre pouca libido para os nossos momentos de prazer. 


Uma forma de lidar com a falta de desejo sexual é compreender o que está sugando a sua energia em outras áreas da vida. 


Tanto em homens quanto em mulheres é natural, ao longo da vida, haver diminuição da libido por diferentes causas. Depressão, cirrose, estresse, ansiedade, problemas na tireoide e uso de medicamentos são algumas delas.


O ideal para manter a energia sexual viva e quente é procurar atividades que despertem sensações gostosas no nosso corpo.


Fazer exercícios físicos, estar pertinho de quem amamos, se masturbar, dançar, dedicar o nosso tempo a coisas que nos deem prazer é fundamental para manter a libido alta e vibrante.


Também precisamos estar atentas e atentos à qualidade da nossa excitação e das trocas que fazemos com as pessoas. 


A PrazerEla também diz que "mais do que o estímulo genital, o que vai despertar a libido é uma exploratória sensorial que contempla todo o seu corpo.


Portanto, fuja do sexo performático, falocêntrico, focado apenas na penetração, sem exploratória sensorial e com expectativas fantasiosas, pornográficas e irreais sobre o que dá prazer de verdade. 

 

Animadas e animados para se conectarem mais com essa potência flutuante que mora dentro do nosso corpo?



Fontes: PrazerEla, Revista Galileu, Vogue Brasil e O Tempo.


leia também

As cinco linguagens do amor

Huummmm… sexo anal. Como começar?

É possível sentir o orgasmo alheio?

Ícone em 3d que imita um corpo humano fofo